Capitao Leonidas Marques
8.33º C




A Rádio Hawai






Quadrilha especializada em roubo de cargas pode estar agindo na BR 163 entre a ponte do Rio Iguaçu e BR 277.


Postada em: 07/06/2016 às 15:21:56




Nos últimos quinze dias, duas  situação vem chamando a atenção das autoridades policiais na  região de  Capitão Leônidas Marques.


Caminhões que transitam pela rodovia BR 163, principalmente os que transportam grãos, estão virando alvos de assaltantes.


A cerca de duas semanas, uma carreta Bitren que estava desengatada e estacionada em um terreno  ás margens da BR 163 no município de Santa Lucia foi furtada, a carreta estava carregada com milho, a carga foi levada e a carreta abandonada na região da Linha Hortelã em Capitão Leônidas Marques.


Na manhã desta terça feira a PRF (Policia Rodoviária Federal) posto de Lindoeste recuperou em um posto de combustíveis em Santa Lucia mais uma carreta Bitren que avia sido tomada de assalto na noite de sábado na região do distrito de Santa Maria em Santa Teresa do Oeste.


O motorista da carreta , Washington Luiz Albuquerque, conta que o caminhão apresentou problemas e que quando estacionou as margens da rodovia BR 163 para verificar, acabou sendo rendido por quatro elementos  armados.


Os bandidos colocaram o motorista no bagageiro de um veiculo, os levaram até a PR 484 próximo a Boa Vista da Aparecida,  onde após algumas horas os libertaram.


A carreta estava carregada com aproximadamente 42 toneladas de soja, a caga, foi levada pelos bandidos e a carreta encontrada nesta manhã em Santa Lucia, ninguém foi preso.


A PRF não descarta  que uma quadrilha especializada em roubos de carga  possa estar agindo na região.


A carreta recuperada foi encaminhada para a Delegacia da Policia Civil em Capitão Leônidas Marques e na seqüência liberada ao proprietário.


O setor de investigação da Policia Civil  trabalha com algumas linhas de investigações para tentar descobrir as pessoas envolvidas nesta duas situações.


Departamento de jornalismo Radio Hawai.


ACOMPANHE  ABAIXO O ÁUDIO DA REPORTAGEM:


 




Deixe seu Comentário