Capitao Leonidas Marques
22.2º C




A Rádio Hawai






Drenagem linfática no pré e pós parto.


Postada em: 10/06/2016 às 16:29:23




Para algumas mulheres, a gravidez é o momento mais pleno na vida, novos sentimentos, medos, descobertas e um amor verdadeiro, surgem da noite para o dia, após a notícia. Depois de alguns meses, a barriga começa a crescer, e com toda a mudança hormonal, as novas mamães passam a sofrer com o inchaço e a sensação de cansaço. Para minimizar ou até evitar todo esse desconforto, uma das alternativas apontadas pela nutricionista funcional e esteticista Sheila Mustafá, é a famosa drenagem linfática.


A prática, segundo a nutricionista, é extremamente indicada a partir do terceiro mês de gestação, a técnica é suave, sem muita pressão e traz muitos benefícios, como:


- Aumento do fluxo sanguíneo e linfático diminuindo o inchaço, além de estimular a lactação e a dessensibilização das mamas, preparando-as para a amamentação;


- Alívio na tenção muscular, diminuindo as dores e a sensação de cansaço nos membros inferiores;


- Estimula a produção de linfócitos, aumentando a imunidade do organismo;


Além de todos os benefícios citados acima, a drenagem ainda é responsável por ajuda a relaxar e diminuir o estresse do dia a dia.


Porém ela sozinha não faz milagres, alerta Sheila, reconhecida nacionalmente por utilizar com eficácia protocolos in e out (que une alimentação, suplementação, cosméticos e massagens com ou sem o uso de aparelhos) na sua clínica. Para ela a massagem deve ser aliada à uma alimentação e estilo de vida saudáveis e com certeza, esse conjunto de fatores resultará em uma gestação tranquila.


Contudo, ao contrário do que se pensa, a técnica não deve ser feita, apenas durante a gestação, mas também no pós-parto, ajudando assim, na eliminação de toxinas, edema e trazendo a sensação de bem-estar.


Cuide-se, procure um profissional adequado que saiba realizar a técnica com perfeição, ressaltando que a drenagem clássica, não deve ser feita com uso de cosméticos ou óleos, somente a pressão das mãos  e lembre-se de pedir a autorização do seu médico antecipadamente.



Deixe seu Comentário